• Band Brasília

Tribunal de Contas do DF determinou que o IGES DF mantenha registros de leitos de Covid atualizados

De acordo com a orientação, os dados devem estar disponíveis desde o início da solicitação do leito, por meio da inclusão de campo específico nesses sistemas ou mediante registro do profissional de saúde na evolução clínica do paciente.

Em março, o Tribunal já havia estipulado prazo de 15 dias para que o instituto adotasse medidas nesse sentido, porém não houve nenhuma manifestação.


Com a nova determinação, o Presidente do IGES pode ser multado pelo não atendimento e pela reincidência no descumprimento.

Inspeção realizada pelo órgão confirmou que não há padronização na forma de divulgação dos leitos com pacientes direcionados e do registro de leitos ocupados, além da divergência de informações publicadas no site da Secretaria de Saúde.

0 visualização0 comentário